sexta-feira, 9 de março de 2007

GLOSSÁRIO: ENTENDA A GÍRIA GAY


A

A Bete Faria: modo de se referir a um homem que cobiça
Abafar: pode ser usado de duas formas: como sinônimo de arrasar (ex.: cheguei linda e abafando) ou para encerrar um assunto indesejado (ex.: abafa o caso)
Abalar: arrasar, fazer algo direito (abalou)
Abilolado: abestalhado, lesado, louco do bem
Agasalhar: ato de envolver um pênis com o ânus ou boca
Ai meu edi: expressão que significa "ai que saco"!
Afofi: cheiro ruim
Ajeum: comida ou despacho
Alibã: policial; polícia; o carro patrulha
Agaraneime: dentes podres
Aleijo: problema
Alice: bicha tola
Almôndega: aglomeração de homens que se juntam para um esfrega-esfrega básico. Começou no começo dos anos 90 nos clubes de SP, mas as barbies ainda fazem
Alôca: finaliza frases que pretendem ser bem humoradas. Ex: Você não é feia, é exótica, alôca!
Amapô ou amapôa: mulher
Apatá: sapato; calçado
Apodrecer: falar mal alguém
Aqüendar: palavra multiuso, dependendo da sua utilização. Ex: Aqüendar um sanduíche (comer), aquendar um bofe (trepar), aquendar a conversa (escutar ou participar)
Aqué: dinheiro (10 aqueres+10 reais)
Armário: enrustido, Sair do armário: se assumir Arrasar: fazer algo bem-feito
Arrasa: vai lá, se joga
Arrombada(o): aquela ou aquele que já fez muito sexo anal
Atacada: louca, nervosa
Atender: fazer sexo com Ativo: O que penetra (gays)/a que toma iniciativa (lésbicas)
Avoa: quando alguém chato ou inconveniente se aproxima e você diz: avoa bicha!

B

Babadeira: bicha ou travesti barraqueira que gosta de dar escândalo
Babado: serve para quase tudo. Sexo, drogas, encontros, comida, música, conversa. Vale também para a célebre pergunta "Qual é o babado?", no sentido de o que está acontecendo?
Badalhoca: pedaços mais ou menos pequenos de fezes que ressecam e ficam presos aos pêlos do ânus
Bagaceira: de baixo nível
Bandeira: dar pinta, mostrar que é gay, desmunhecar
Bandeirosa: aquele que vive dando pinta
Barbie: Gay bastante sarado, com corpo ultra-trabalhado
Barebacking: sexo anal entre homens sem preservativo
Baixar a Vovó: fazer uma boquete
Banheirón: banheiro público onde rola pegação (ver verbete)
Basfond (leia-se báfon): bagunça, confusão, baixaria, bochicho, barra pesada
Bater um bolo: masturbação
Bater bolacha: masturbação entre duas ou mais lésbicas
Baunilha: gay iniciante, sonhador, inocente (sinônimo: Serginho)
Bear: ver Urso
BF: Bicha Fina ou Bolacha Fina: Homossexuais com mais de 30 anos, com dinheiro, chiques e frequentadores de bons ambientes
Bi: redução de bicha
Biba: homossexual masculino ou feminino
Bico (bicudo): sinal externo de quem faz carão
Boa Noite Cinderela: quando você encontra um gostoso, ele lhe dopa e sai com a sua grana
Bocuda: fofoqueira
Bode: cansaço, preguiça. Estar de Bode = estar cansado
Bofe: homem másculo
Bofescândalo: homem gostoso
Bolacha: nome meigo para sapatão
Bombado: quem usa bomba, anabolizantes e suplementos
Bombar: tomar anabolizantes; injetar silicone
Bombadeira: quem inejta silicone industrial (proibido por lei)
Boquete: sexo oral
Bronha: masturbação masculina
Buzum: ônibus

C

Caçação: ato de caçar, de fazer pegação
Caçar: procurar alguém para fazer sexo
Cachorra: pessoa que troca muito de parceiro e transa muito
Cacura: gay idoso
Caixa de surpresas: pênis que quando mole é pequeno mas que cresce sem parar e surpreende no final
Caminhoneira: lésbica bem masculina
Cascaboi: usada por gays mais velhos, designa aquele ser meio carrancudo, chato
Caso: namorado
Carão: fazer carão=fazer pose, esnobar/ ter carão= ser bonito
Caricata: pessoa engraçada, cômica
Charuf: coisa ou pessoa ruim, burra (charufinácia: coletivo de charuf)
Cheque: fezes na ponta do pênis após a penetração anal
Checar: Passar cheque
Chochar: falar mal de alguém ou de algo
Chuchu: sinônimo de barba (expressão usada por drags e travestis)
Chuca: limpeza interna do ânus. Para evitar o cheque, faça a chuca
Close: dar pinta
Coió: agressão homofóbica. Tomar um coió, ser agredido por causa da homossexualidade
Confirmou: designa opinões coincidentes
Cockie: lésbica refinada
Colocada: alguém que abusou de drogas ou álcool
Colocón: sinônimo de álcool, drink ou produtos ilícitos
Cona (ou conam): derivado de maricona, é o gay mais velho
Cunete: o famoso cunnilingus
Cyber-mano: jovem da periferia influenciado pela cultura clubber

D

Dadeira: gay que adora ser passivo e pratica muuuuito
Dar a elza: roubar
Dar close: ficar poucos minutos em algum lugar, dar pinta
Dar o truque: enganar
Dar pinta: mostrar afetação
Débora Kerr: o mesmo que Betty Faria
Desencanado: mais que simpatizante, não está nem aí
Desaquendar: desapegar, desembaçar
Descolado: que não é tímido, expansivo e integrado a algum círculo
Derreter: quando alguém se colocou muito e fica em algum canto esperando a bebedeira passar
Dildo: Vibrador ou outro objeto utilizado para estimular o ânus ou vagina
Do além: pessoa, fato ou lugar estranho, chato, incompreensível
Do bem: pessoa, fato lugar legal, amigo (antônimo: do mal)
Drag Queen: homem que se veste com roupas geralmente associadas ao sexo feminino mas sem esconder que é homem, também associado a maior espalhafato. No original inglês, drag queen é utilizado como o mesmo significado de Travesti (homens que parecem mulheres)
Drag King: versão feminina de Drag Queen, i.e. mulher que se veste de homem
Drama: situação trágica ou tragicômica. Própria das dramáticas. Fazer drama: exagerar no sentimentalismo ao contar/interpretar um fato; dramatizar
Dramática: para Johny Luxo, o mundo se divide em dramáticos e exóticos. Também utilizado como expressão tanto de contentamento como de espanto, alegria, satisfação e tristeza. Pode ser usado como elogio para alguém
Dun-dun: negro ou muito bronzeado
Dyke: o inglês lésbica
Dzarm: versão light de cafona

E

Edi: ânus
Embaçado: difícil; enrolado
Encubado: alguém que não assumiu sua homossexualidade, mas já a pratica
Elza: roubo, dar a Elza: roubar
Entendido/a: gay/lésbica
Equê: falso, do truque, falsificado. ex: Loira do EQ. equezeiro - praticante do EQ
Exótica: pessoa não necessariamente bonita, mas que chama atenção ver Dramática

F

Fake: falso; do truque
Fanchona: caminhoneira
Fashion discontrol: pessoa que se veste de forma bem errada
Fazer: transar com
Fechação: dar pinta de forma escandalosa
Fechar: Fazer sucesso
Ferver: animar, fervido: animado
Flop: tradução direta do inglês, fracasso. Usado também como verbo, flopar
Fist Fuck: penetração da mão/braço
Fofo: pessoa, local ou situação legal
Força no picumã: o mesmo que "vá em frente, coragem"
Frapê: pênis que não endureceu direito, que ficou no meio do caminho
Friendly: o equivalente a simpatizante
Fufa: lésbica
Furiosa: lésbica muito masculina
Futun: cheiro ruim
G

Gay for Pay: Expressão americana que designa homens que preferem mulheres e transam com outros homens apenas por dinheiro (michês ou atores pornô)
Gay Friendly: simpatizante
GDC: Gay de Cabeça, pessoa com comportamento gay, mas com preferência sexual hetero
Gillete: bissexual
GLBT: Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros
GLS: Gays, Lésbicas e simpatizantes. Um comportamento que engloba pessoas de todas as preferências sexuais que frequentam ambientes como casas noturnas e bares gays, são ligadas em moda, cinema e artes
GoGo Boy: homem ou rapaz de corpo bem trabalhado que é pago para dançar mostrando o corpo em discoteca ou bar (tb existem em discotecas hetero)
Gongado: derrubado
Gongar: ato de xoxar algo, de ridicularizar
Gravação: boquete
Gulosa: sexo oral, fazer uma gulosa

H

Homofobia: medo patológico da homossexualidade e dos homossexuais
Hype (leia-se raipe): o que está sendo badalado, a função do momento

I

Irene: gay velho

J

Jaburu: pessoa feia
Jacira: gay bagaceiro e engraçado
Jamanta: aquele que ficou lesado
Jeba: pênis grande, bem-dotado
Jogar o picumã: menosprezar ou ignorar alguém

K

Kassandra: drag queen feia ou mal montada
L

Lady: Lésbica de aspecto feminino
Laleska: pessoa uó
Larica: fome
Lasanha: Rapaz MUITO gostoso! Apetitoso, você sente água na boca só de olhar
Leather: quem gosta da estética SM, usa e pratica
Lesado: quem exagerou na colocação ou está temporariamente burro, distante. Ex.: Grace
Lesada Lesbian Chic: lésbicas executivas, consumistas e finas
Lesbian drama: comportamento característico de lésbicas no término ou crise de relacionamentos (generalização)
Ligar o Pisca Alerta: voltar a si, acordar
Luxuosa: expressão de aprovação para alguém bem produzido, bonito ou hype.

M

Mafiosa: quem faz máfia, que mente e cria situações em proveito próprio
Mágoa de Cabloca: pessoas que já foram famosas um dia, ou os que tentam, mas nunca conseguem
Mala: volume na calça, pênis. No Rio, também significa pessoa chata
Mancha: é o gay super feminino, exagerado, que já passou da "pinta"
Mati: algo pequeno. Ex: neca mati (pênis pequeno)
Matusalém: pessoa velha
Mayumi: gay amiga
Me Deixa!: grito de guerra usado pela popular drag paulistana Alma Smith
Meda: Feminino de Medo. Usado como interjeição para algo que não é agradável
Me erra!: me larga
Melhorada: alguém que era uó e melhorou a personalidade. Alguém feio que deu um truque na feiúra
Meu Cu!: não estou nem aí
Meia-Bomba: pênis que não conseguiu enrijecer completamente; o mesmo que frapê
Michê: garoto de programa
Michely: garoto de programa afeminado
Miguxo: pessoa uó que quer fazer a íntima
Milho: ferveção, fechação, bichisse
Modelão: roupa bonita ou ato de montar-se
Mona: mulher ou alguém muito afeminado
Monaocó: junção de mona com ocó (homem hétero), é o gay bem masculino, que não dá pinta
Mônica: derivado de mona, para designar amigos íntimos
Montação: o processo exagerar nas roupas, para se jogar na noite
Montada: travestida, produzida
Mundinho: maneira como clubbers denominam seu universo de pessoas.

N

Naja: fofoqueira, intrigueira
Não estou achando: não estou entendendo ou suportando (alguém ou alguma situação)
Não estou podendo: não quero, não estou a fim
Não ser obrigado/a: ter algo melhor para fazer
Neca: sinônimo de pênis

O

Ocó: homem com jeito de homem
Olá Querida!: noitada onde você só faz social e não se atém a conversar com ninguém. Também usado como interjeição ao encontrar alguém que você não tem muito a dizer
Operada: Transexual (homem para mulher)
Odara: algo grande... imagine...
Otim: bebida alcóolica, drink
Oxanã (ou Xanã): cigarro.

P

Panqueca: 100% passivo. Bateu na cama, virou
PAM: Sigla para passivo até a morte (nem precisa explicar)
Pão com ovo: gay simples... pobre mesmo
Passada: chocada
Passar cheque: quando escap um pouquinho de cocô no ato sexual anal; passar um talão: quando não é só um pouquinho
Passivo: O que é penetrado (gays)/a que se deixa a outra tomar iniciativa (lésbicas)
Passivona: o mesmo que PAM; pessoa que só faz sexo na posição passiva
Pegação: sexo anônimo, sem compromisso
Pencas: muito. Ex.: comprei pencas de sapatos
Penosa: pessoa que não trabalha, dura
Picumã: peruca, cabelo
Pintosa: óbvia
Pirelli: enchimento feito de espuma que drags ou transformistas usam para dar formas femininas ao corpo
Pivô: dar meia-volta, como as modelos das passarelas
Playbicha: moço playboy mas que é gay
Playgay: circuito de clubes e bares dos playbichas
Pochete: lésbica cafona
Poc Poc: gays novinhos e bem femininos. O 'poc poc' é uma onomatopéia do barulho que os saltinhos dos sapatos desses moços fazem na pista
Podre: pessoa, fato ou local ruim

Q

Quebrar louça: quando duas bichas transam
Quá-quá: bicha mulher
Queen-Size: aquele ou aquela viciado em bem-dotados
Queer: que se refere à cultura e/ou comportamento próprio da comunidade gay
Querida: usado para designar pessoas que gosta ou não, como deboche
R
Racha, rachada: mulher, vagina
Rebuceteio: troca-troca de namoradas entre as lésbicas
Ratoburguer: mau hálito
Rodrigues: situação de alguém casado (ou namorando) cujo/a parceiro/a está viajando
S
Sabão: esfrega-esfrega entre duas pessoas, sem penetração
Sair do closet: assumir publicamente a homosexualidade com estardalhaço
Sáfico: relacionado com lesbianismo. A palavra tem origam na poetisa Safo (séc VII a.c.) que tinha uma escola para mulheres jovens na ilha de Lesbos. Safo escrevia poesia, muita da qual se perdeu nos tempos, acerca das suas amantes femininas, que eram frequentemente estudantes na sua escola. Ela teve uma filha Kleïs com cujo pai pode ou não ter sido casada, havendo algum debate nesta questão
Sandália: a mulher da caminhoneira
Sarado: malhado, marombado, com bom corpo
Sapa, Sapata: curto para sapatão Sapatão: lésbica de aspecto masculino
Sapataria: aglomeração de lésbicas
SBP: expressão carioca que significa "Super Bicha Pobre", e designa pessoas mal produzidas que frequentam a noite
Se Jogar: cair de cabeça, entrar em uma situação ou ir a um lugar sem pensar muito
Simpatizante: pessoa heterossexual ou não definida sexualmente que frequenta ambientes predominantemente gays
Sissi: designa quem "está se sentindo"
Susie: aquele rapaz que malha bastante, tem o corpo legal mas não é grandão, bombado, não é barbie ainda.
T

Tá boa: quando você não acreditar em alguma história, é só dizer: Tá boa?
Tá meu bem: interjeição de espanto popularizada pela drag Dimmy Kieer
Tata: sabe aquela amiga que vive com o amigo gay? Então...
Tia, tiona: bicha velha
Tô Lôca!: expressão utilizada para expressar mau humor acompanhado de álcool ou drogas
Tô Passada: expressão de espanto
Tô bege: equivale a "não acredito, tô pasma, boba, plissada, passada, colocada...."
Tombado: caído, sem graça. Ex.: aquele bar tá tombado. Tá uó.
Tombar: falar mal de algo ou alguém
Transformista: o mesmo que Travesti. O termo "Travesti" costuma ser utilizado mais para prostituição, um Transformista apenas se veste com roupas do gênero oposto para espectáculos
Transsexual: uma pessoa que pensa ou se comporta de forma séria como se tivesse o corpo com o género errado. Muitas vezes (mas nem sempre) sujeita-se a uma operação de mudança de sexo. Os termos pré-operatório e pós-operatório distinguem os Transsexuais que fizeram a cirurgia de mudança de sexo dos que ainda não a realizaram. Um Transsexual Não-operatório é um que, por qualquer razão, não pode ou escolheu não ser operado
Trava: travesti
Travar: tornar-se travesti
Travesti: (em inglês: transvestites) homem que se veste e maquilha ocasionalmente de forma a parecer uma mulher, note-se que ao contrário dos transsexuais um travesti (tb conhecidos por Crossdressers) não se consideram mulheres nem pretendem sê-lo. Muitos transsexuais são heterossexuais, e nunca fazem operações de mudança de sexo
Tricha: gay que já é mais que bicha, que dá muita pinta
Truque: mentira, enganação
Trucosa ou truqueiro: que dá truque
Trucón: o truque em si
Tudo: quando algo for muito bom. Ex. Meu modelo tá bom? E o amigo responde: Tá tudo bi!

U
Urso: Homem peludo, tb associado a homem de aspecto másculo ou gordinho
Uruca: mal-olhado ou fase ruim
Uó: (do bajubá) algo ou alguém ruim, feio, desagradável, desprezível, errado, equivocado
Under: diminutivo de underground
V

Venenosa: pessoa que faz veneno, que fala mal de alguém
Vitaminada: robusta, bonita
Versátil: Homossexual que gosta de ter tanto o papel de ativo como de passivo
Virar: passar da condição de heterossexual para homossexual ou vice-versa
Vuduzar: torcer para que algo dê errado.

X

Xana: sinônimo de vagina. Muitas lésbicas usam a forma carinhosa, Xaninha
Xepa: resto da noite, pessoa feia. Fazer a xepa: aquele diz que você não ficou com ninguém na festa ou clube, mas o mesmo já esvaziou e só sobrou o resto e você insisti.

Z

Zalene: algo duro ou que esteja em processo de endurecimento... se é que me entende
Zoraide: bicha metida a clarividente; esotérica.

2 comentários:

Erica Santos disse...

Queria muito saber o que é CD na gíria gay! Vc pode me ajudar?

estevão rodrigues almeida disse...

CD SIGNIFICA CROSS DRESSES PESSOA QUE GOSTA DE SE VESTIR COM ROUPAS FEMININAS POR POUCO TEMPO OU O TEMPO TODO.